0

2ª FASE DA MATRÍCULA FÁCIL 2018

2ª FASE DA MATRÍCULA FÁCIL 2018

Oi, você sabe fazer a segunda fase da matrícula fácil 2018? Não! Então vamos aprender?

Matrícula Fácil duas fases 2018 tem como objetivo facilitar a vida dos pais e responsáveis dos alunos usuários da rede pública de ensino, uma vez que as solicitações de matrículas são feitas online através de celulares, tablets e computadores. Para saber mais sobre essa ferramenta continue lendo! A inscrição do Matrícula Fácil sempre acontece em duas fases, sendo a primeira no final do ano e a segunda fase no começo do ano, na qual começam as aulas. Os pais ou responsáveis interessados em inscrever seus filhos devem acessar o site da Matrícula Fácil correspondente ao seu estado e preencher os campos que aparecerão.

Informações necessárias

Para isso deverá ser informado: nome e data de nascimento do aluno; filiação e identificação de quem será seu responsável, sendo obrigatório o CPF (O Sistema indicará se o pai/mãe/responsável já possua cadastro no Sageal); um número de telefone; o CEP do candidato; informações sobre o uso do transporte (Se o mesmo faz uso de transporte ou não); necessidades educacionais especiais; o número do identificador de energia e informar se o candidato estuda ou não na rede pública. Após isso o pai ou responsável pelo aluno deverá escolher o município, unidade escolar de preferência, turno, tipo de ensino e série.

Finalizando essa etapa já estará efetuada a pré-matrícula do aluno. São de grande importância que sejam apresentados à unidade escolar escolhida os seguintes documentos:

1– Carteira de Identidade ou documento que a substitua (Certidão de Nascimento ou Casamento) – Original (será devolvida no ato) e CPF do aluno, se possuir;

2 – Histórico Escolar ou Declaração da última Unidade Escolar em que estudou, constando a série a qual o aluno está habilitado. O original ficará na escola;

3 – Carteira de Identidade e CPF do responsável legal, no caso de menor de 18 anos. Original e cópia;

4– Laudos comprobatórios de deficiências declaradas (se for o caso);

5 – Comprovante de residência;

6 – Comprovante de tipo sanguíneo e o fator RHESUS-RH, passa a ser facultativo, conforme disposto na Lei 7608 de 30 de maio de 2017 que modifica a Lei nº 6683, de 15 de janeiro de 2014.

Você  viu  como é fácil? Então não perca mais tempo!

O site oficial da Matrícula Fácil no www.matriculafacil.rj.gov.br  ainda não divulgou as datas para a solicitação de pré-matrículas para 2018, então fique atento ao site oficial e não perca as datas. Essas foram as principais informações sobre a solicitação de matrículas através da Matrícula Fácil, para saber mais acesse o site e leia os editais dos anos passados. Boa sorte!

Deborah Larissa

 




Recomendados Para Você

silvana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *